Pantanal - Documentário, Fauna e Flora

O PANTANAL

Documentário Pantanal

O Pantanal é uma das reservas naturais mais ricas do planeta.
Localizado na zona tropical, fica a oeste dos estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, com uma área de aproximadamente 230 mil km², sendo aproximadamente 140 mil km² no território brasileiro. 

No período da seca, os rios secam e sobra o barro, de onde veio o nome "Pantanal".

A região é uma planície aluvial influenciada por rios que drenam a bacia do Alto Paraguai, onde se desenvolve uma fauna e flora de rara beleza e abundância.

Um dos maiores complexos de pântanos do mundo, é internacionalmente conhecida pela sua diversidade zoológica: 
  • 263 espécies de peixes 
  • 53 espécies de anfíbios
  • 122 espécies de mamíferos 
  • 93 espécies de répteis 
  • 1.132 espécies de borboletas
  • 656 espécies de aves
É considerado pela UNESCO Patrimônio Natural Mundial e Reserva da Biosfera.

Documentários

Documentário do WWF-Brasil revela belezas e problemas do Pantanal em MS.

Esta é uma reportagem da Rede Mato Grosso de Televisão, uma afiliada da Rede Globo. Por isso a reportagem foi transmitida pelo Globo Repórter. 
O documentário foi filmado em uma viajem realizada no melhor momento do Pantanal Mato-Grossense: o período em que as águas baixam e a vida ressurge. O melhor momento para se conseguir belas imagens de toda sorte de animais da região.

ECOSSISTEMAS DO PANTANAL

Pantanal Documentário

Os ecossistemas são caracterizados por cerrados e cerradões sem alagamento periódico, campos inundáveis e ambientes aquáticos, como lagoas de água doce ou salobra, rios, vazantes e corixos; O clima é quente e úmido no verão, e frio e seco no inverno.

Sua constituição, única no planeta, é resultado da separação do oceano há milhões de anos, formando o que se pode chamar de mar interior, a planície é levemente ondulada, pontilhada por raras elevações isoladas, geralmente chamadas de serras e morros, e rica em depressões rasas.

A maior parte dos solos do Pantanal são arenosos e suportam pastagens nativas utilizadas pelos herbívoros nativos e pelo gado bovino, introduzido pelos colonizadores da região.

O Pantanal vive sob o desígnio das águas: ali, a chuva divide a vida em dois períodos bem distintos, durante os meses da seca — de maio a outubro, aproximadamente — , a paisagem sofre mudanças radicais: no baixar das águas, são descoberto campos, bancos de areia, ilhas e os rios retomam seus leitos naturais, mas nem sempre seguindo o curso do período anterior, as águas escorrem pelas depressões do terreno, formando os corixos (canais que ligam as águas de baías, lagoas, alagados etc. com os rios próximos).

FAUNA DO PANTANAL

Este patrimônio ecológico, habitado por inúmeras espécies de mamíferos, répteis, e aves e peixes, tem uma vegetação exuberante e é traduzido em movimento de formas, cores e sons, mostrando-se um belo espetáculo. 
É considerado um dos ecossistemas mais ricos do mundo no que diz respeito à diversidade de espécies animais. Porém, há muitas espécies ameaçadas de extinção: capivara, tamanduá-bandeira, tamanduá-mirim, lobinho, veado-mateiro, entre outros.

Aves

Documentário Pantanal
Entre as 656 espécies de aves catalogadas (mais de 1/3 das espécies brasileiras), estão o Tuiuiú (ave símbolo do pantanal) e a Arara-azul-grande (ameaçada de extinção).

Também são encontrados: Beija-flor, Carcará, Colhereiro, Curicaca, Ema, Garça-branca, Gavião, Jaçanã, Papagaio, Periquito, Seriema, Socó, Tucano e muitos outras espécies.

Mamíferos

Documentário Pantanal
São mais de 120 espécies registradas. Talvez a mais incrível delas seja a onça-pintada, um mamífero de grande porte, que atinge a 1,2 m de comprimento, 0,85 cm de altura e pesa até 200 kg.
Outros dos principais mamíferos são: Capivara, Veado-campeiro e Veado-catingueiro, Lobinho, Macaco-prego, Lobo-guará, Bugio, Cervo-do-pantanal, Porco do mato, Tamanduá, Cachorro-do-mato, Anta, Ariranha, Quati, Tatu e Bicho-preguiça.

Peixes

Documentário Pantanal
Entre as 263 espécies registradas a que mais gosto é a Piranha. São peixes carnívoros, que vivem em cardumes e podem ser bem agressivos quando estão com fome.
Os principais peixes encontrados são: Curimbatá, Dourado, Jaú, Pacu, Piau, Pintado e a Piranha.
Curso online de Biologia e Taxonomia de Macroinvertebrados Aquáticos

Répteis


São quase sem espécies de répteis catalogadas. Os que mais chamam atenção são provavelmente os jacarés-de-coroa e o jacaré-do-pantanal, bem como a Sucuri, uma cobra de grandes proporções da família Boidae, pertencente ao gênero Eunectes. Seu peso frequentemente ultrapassa 100 kg.
Você também encontra: Cágado, Jabuti, Cobra-boca-de-sapo, Calango-verde, Iguana e Cobra d'água.
Curso online de Anfíbios e Répteis: Classificação, Diversidade e Ecologia

FLORA DO PANTANAL


A vegetação do Pantanal é um mosaico de matas, cerradões, savanas - com espécies como cambará-lixeira, canjiqueira, carandá, etc, campos inundáveis de diversos tipos, brejos e lagoas com plantas típicas como camalotes. No Pantanal, é comum a ocorrência de formações vegetais, entre elas estão os carandazais, nos quais o elemento predominante é a palmeira carandá, os buritizais, onde domina a palmeira buriti e os paratudais, formados por um tipo de ipê, o paratudo. A flora pantaneira tem alto potencial econômico: pastagens nativas, plantas apícolas, comestíveis, taníferas e medicinais.

Nas beiras dos rios há uma mata-de-galeria ou mata ciliar, com espécies vegetais como o tucum, o jenipapo, o cambará e o pau-de-novato.


______________________________________________________________

6 comentários:

Bruna Fadul disse...

Adorei o post. Me ajudou muito no meu trabalho escolar =) Já curto a página no face! Parabéns pelo site :D

Matheus Raddi disse...

Obrigado! Espero continuar ajudando. Aceito dicas e sugestões

Ana Karoliny Andrade disse...

me ajudou muito no trabalho da escola....muito obrigadoo =*-*=

Anônimo disse...

Grato pela matéria, bastante abrangente. Parabéns.

Marciana M P Rodrigues disse...

Ajudou muito minha filha no trabalho escolar.Parabéns obrigado!

Marciana M P Rodrigues disse...

Ajudou muito minha filha no trabalho escolar.Parabéns obrigado!

Postar um comentário